12 de abril de 2007

Apesar de relutantes

Hoje o dia não foi fácil. A pressão e confusão no trabalho foram de matar. Cheguei em casa fervendo e a primeira coisa que vi foi meus filhos brigando. E toda pressão do dia foi desproporcionalmente arremessada sobre os pequeninhos. Quase que simultaneamente entrei, por outro motivo, em um pequeno atrito com a Sandra, minha esposa, que minha alma afetada transformou num grande choque.

No instante seguinte me encontrava sozinho na mesa da cozinha, tomando um nescau gelado e pensando no estudo que faria dentro de 20 minutos sobre a vida de Jesus e a missão da Igreja. Que meleca. O que eu queria mesmo era ficar sozinho ali e dar uma bolacha no primeiro infeliz que me aparecesse pela frente. A última coisa que me sentia capaz de fazer era estar diante de um grupo falando sobre Jesus.

Mas, como já disse antes, graças a Deus pela graça de Deus. Lembrei naquela hora que Deus não nos usa pelo que somos, mas apesar do que somos. E passei alguns minutos pensando e curtindo essa misteriosa graça.

Na hora da reunião, compartilhei toda essa história com o grupo e oramos, todos, agradecidos pelo amor gracioso de Deus que não depende de nossa capacitação para revelar-se e mover-se entre nós. Depois, graças a sugestão da Sandra, outros contaram suas histórias e oramos por todos.

No fim das contas, pudemos observar que acabávamos de viver de forma prática a nossa missão como igreja. Porque tudo que Jesus espera de nós é que compartilhemos nossas vidas, alegrias, dores e medos, e com compaixão e amor tratemos das feridas uns dos outros, e trilhemos juntos nossa caminhada com Cristo.

Por fim, para arrematar, ouvimos uma belíssima canção do Jorge Camargo.



---

Eu estou aqui
Eu me rendo a Ti
Embora por todo esse tempo
Lá fora vagando ao relento
Relutasse em vir

Mas o Teu amor
Infinito amor
Levou-me à Tua presença
Renouvou-me a fé e a esperança
Quero Te servir

Eu estou aqui
Eu me rendo a Ti
Com meu coração novo e aberto
Agora e sempre por certo
Quero Te servir

____________________________
Do CD O Chamado de Jorge Camargo
à venda na loja virtual da VPC

---

Coisa mais linda o amor infinito de Deus, que nos leva a Ele, apesar de tantas vezes estarmos relutantes.

Um comentário:

  1. Vitor Peluchno12:43 PM

    90 / 10. Muita paciência, amor no coração e Deus ajudam muito nessa hora.

    Abraço do Vitão

    ResponderExcluir